Mostrar mensagens com a etiqueta Lifestyle. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Lifestyle. Mostrar todas as mensagens

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Zoo de Lisboa - O passeio mais giro, sempre!




As férias estão aí e os miúdos exigem programas giros para preencher o tempo, que teima em não passar, nestes dias. O que vos mostro é tudo menos uma novidade. Deve ser o passeio mais feito pelas famílias portuguesas desde sempre, e bem, porque é sempre, sempre giro. E  quando perguntamos aos baixinhos o que é que eles querem fazer poucas respostas se repetem tantas vezes como "ir ao Zoo"
Foi o que Sir Coqui Fofi fez quando lhe perguntámos o que queria fazer no dia do seu quinto aniversário. E lá fomos em modo família alargada, passar o dia no Zoo. 

quarta-feira, 5 de julho de 2017

As férias estão aí e a Uber também...


Eu sou fã da Uber! Poucas semanas haverá em que eu não utilize o serviço pelo menos uma vez. 

Utilizava em Lisboa quando aqui pelas minhas bandas ainda era um castigo conseguir um carro e comecei a usar cada vez mais à medida que a empresa foi apostando também nas redondezas da capital. Agora consigo um carro em Almada com a mesma facilidade que em Lisboa, seja para percursos dentro da localidade ou para fora. Ao inicio chegávamos a desistir porque simplesmente não haviam carros deste lado. Depois tudo mudou! 

Já utilizei a Uber também fora de Portugal, em várias deslocações dentro da Europa e a impecabilidade do serviço é uma constante. 

Pode parecer estúpido mas a verdade é que na maior parte das vezes já nem sequer me lembro que não é um serviço que esteja disponível em todo o lado. Por várias vezes fui trabalhar "para fora cá dentro" e pensei em chamar um Uber. Só me lembrei já de aplicação na mão, que não seria de todo possível. 

A acautelar isso mesmo, a Uber vai começar este Verão a operar por todo o Algarve, para que as pessoas tão habituadas como eu a chamar um Uber não façam a minha triste figura e possam mesmo deslocar-se, ainda que em férias e mesmo fora da grande Lisboa, da forma cómoda e prática a que a Uber já nos habituou. 

Isto não é publicidade, é só mesmo uma cliente frequente a constatar um facto que muito lhe apraz. Ainda que se os senhores da Uber me quiserem creditar umas quantas viagens eu não me nego. Mas para já, e caso eles não estejam a ler isto, podem sempre ser vocês a usar o código "2wycffkque" para pagar a vossa primeira viagem e oferecer-me também uma voltinha a mim...

Quem sabe no Algarve... 


segunda-feira, 27 de março de 2017

Mini fashion icon #22









 

Look Completo Zara à excepção dos ténis Adidas
Blusão e calças de ganga antigos
Long-sleeve dos saldos
Óculos de sol tam. M da nova colecção 



Jardim do Solar dos Zagallos - Vale a pena conhecer!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

A IKEA Já tem loja online!

Esta é a melhor noticia dos últimos tempos para mim e por isso até tirei cinco minutos para vir aqui partilha-la no meio da confusão que têm sido os meus dias (que como já devem ter reparado me tem afastado daqui).

Obviamente ainda não experimentei mas tenciono! Muito em breve!

Como? Assim...




Mais informações AQUI

Se entretanto experimentarem, partilhem!! 

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Teatro infantil: O Gato das Botas


No passado sábado fomos convidados a assistir à peça "O Gato das Botas" do Teatro infantil de Lisboa. Por algum motivo, o meu filho tem uma verdadeira devoção por esta personagem e portanto eu sabia que não podíamos perder. Como seria de esperar ele adorou!

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

5 coisas que aprendi num curso de empreendedorismo


Os mais atentos devem ter reparado na minha ausência dos últimos dias. O motivo mais do que justificado foi um mini-curso de empreendedorismo na óptica da sustentabilidade do negócio. 

Como alguns saberão, deixei de trabalhar por conta de outrem no início do ano passado e habituo-me agora, pouco a pouco, a uma nova rotina ainda um pouco desconhecida para mim: a de freelancer. 

Sim, à partida tem-me trazido tudo o que procurava; horários flexíveis, qualidade de vida, mais tempo para dedicar ao meu filho etc. mas não deixa de ser uma incerteza e de me colocar em papeis anteriormente desconhecidos para mim, o de líder, o de comercial, o de decisor... 

Foi por isso que decidi assistir a este mini-curso de empreendedorismo sustentável e perceber os meus pontes fortes e os fracos e como melhora-los. 



1. Não é empreendedor quem quer ou precisa mas sim quem tem perfil para isso 

O empreendedor entra, por norma, em várias partes do negócio e acompanha todo o processo do seu desenvolvimento, de uma ponta a outra. Para que isso resulte é necessário que esteja aberto a aprender novas coisas rapidamente e que a sua personalidade lhe permita estar à vontade em áreas que à partida não seriam as suas. 




2. O importante é a sustentabilidade

Analisar, analisar e voltar a analisar. Podemos ter a melhor ideia de negócio, mas se depois de analisadas todas as vertentes do projecto, o mesmo não revelar a rentabilidade desejável, não vale a pena avançar. Empreendedorismo sim, mas com vista à sustentabilidade do negócio (e do empreendedor).




3. Escolha bem o seu "companheiro de viagem" 

Não escolha um sócio porque o conhece muito bem, ou há muito tempo, e sempre foram os melhores amigos. Escolha para essa viagem, um companheiro que partilhe a sua visão do destino e do caminho para lá chegar. 




4. A importância da visualização

Dizem os especialistas que o nosso cérebro processa a visualização, ou imaginação, de uma forma muito semelhante à experiência real, quase sem conseguir distingui-las. Por isso, ao visualizarmos aquilo que queremos para nós, estamos a dar um empurrãozinho para facilitar que aconteça. 
Imaginem-se daqui a cinco anos. Como querem estar? Pensem em cada detalhe. E para lá chegar? Onde estaria daqui a três anos? E neste mesmo dia, daqui a um ano? Provavelmente então esse é mesmo o caminho que terá de fazer. Rumo traçado, é só avançar. 



5. A maior qualidade de um empreendedor é a sua capacidade de resiliência

A vida de um empreendedor tem muitas curvas e contra curvas e para supera-las é preciso não só saber voltar "à forma" inicial após cada revés, mas também reinventar-se para se superar a si próprio. 








quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

As 12 melhores coisas que comi (pela primeira vez) em 2016


Inspirada nesta lista, também eu decidi fazer a minha própria versão, escolhendo as melhores coisas que comi, algumas pela primeira, outras pela única vez, em 2016. Sim o ano já lá vai, mas ainda a procissão vai no adro no que respeita a 2017, portanto ainda estamos em muito boa altura para balanços.

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

O até já em grande "cowbóiada"


Fomos passar o último dia do ano velho e o primeiro do novo no nosso local favorito para as férias - o Zmar. Alguns amigos quiseram juntar-se e, tal como nós, adoraram. Apesar de ser a primeira vez de todos e o resort estar a "meio-gás". 

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Passagem de Ano entre Indios e Cowboys


Já o disse este ano, Festas fora de casa é no Zmar. Porque é lá que nos sentimos em casa mesmo sem estar. Mas ainda mais descontraídos e despreocupados. É como visitar velhos amigos queridos que as crianças adoram e nós também. 

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

A minha agenda para um ano feliz!


Eu já aqui confessei a minha verdadeira pancada por agendas. Por muito ligada às tecnologias digitais que seja, este vicio que ganhei quando comecei a trabalhar (há muitos anos) não me larga. 

Este ano tenho uma muito especial!!

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Estamos de volta!


Eu sei, eu sei...é uma vergonha ter tido tempo em Paris para dizer alguma coisa mas depois, chegada a casa, não arranjar um buraquinho para vir aqui dar um "olá".
Mas sim, estamos de volta, correu tudo bem e estamos a postos para receber o Natal (está mesmo aí!!). 

A viagem a Paris foi muito boa, apesar de muito dura fisicamente para mim que na véspera estava a contorcer-me de febre no sofá. No dia, e com malas por fazer, apetecia-me tudo menos entrar num avião, mas queria muito ir e não ia desiludir a família, portanto juntei as forças que tinha e lá fui.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Árvores de Natal de Paris


A primeira sensação que tive de Paris, logo no sábado de manhã, é que por aqui, as árvores de Natal naturais ainda são rainhas.

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Sneak Peek...


Este fim-de-semana fomos fazer a nossa sessão fotográfica de Natal com a querida Andreia da Sugar and Soul Photography cujo trabalho já queríamos conhecer desde o aniversário do bicharoco, em Maio. Acontece que as agendas teimavam em não se acertar e acabou por se arrastar até agora. 

Mas ainda bem! Porque nos deparamos com um verdadeiro "Winter Wonderland" ao chegar ao estúdio e a sessão não podia ter corrido melhor! 

Quem segue o meu instagram já espreitou, mas estou ansiosa mesmo é por mostrar o resultado final! 

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Cinco dicas para fazer caber tudo na mala de cabine


Quem me acompanha, já percebeu que gosto de fazer férias nesta altura e que sempre que posso, gosto particularmente de fazer escapadinhas na Europa nesta época do Natal. Adoro ver as decorações, passear nas feirinhas de Natal e acho sempre que, regra geral, as cidades têm um encanto especial nesta altura (Lisboa, é um bom exemplo disso). 

 Este ano o destino escolhido foi Paris, e não sei se é por estarmos mais atentos, mas parece-me que foi uma escolha muito popular neste final de ano. Graças às companhias low cost este tipo de deslocações tornou-se muito mais acessível, mas têm um senão - a bagagem. 

A dor de cabeça deste tipo de escapadinha, e numa altura fria do ano, é precisamente o que levar na mala e como fazê-lo caber na mesma (geralmente uma mala de cabine). 

Neste tipo de viagem, levamos por norma um troley-mochila que o pai leva às costas permitindo-lhe empurrar o carrinho bengala (imprescindível para quem se vai farta de andar) e um troley normal que eu puxo. Ás costas levo uma mochila mais pequena com tudo o que precisamos ao momento e principalmente as coisas do miúdo. Poderíamos levar outra mala pois pagamos três bilhetes (e o carrinho de bebé não conta) mas seria muito difícil de transportar, pelo que tentamos enfiar a roupa dos três nestas duas malas pequenas. 

Não vou negar, não é fácil, especialmente com roupa de inverno, mas tenho alguns truques que posso partilhar.